Homeschooling | Estresse Infantil

Por:Circuito PSI
Novidades

24

jun 2020

É preciso desmistificar a energia inesgotável do universo infantil. Criança se cansa, sim. E criança se estressa também.

O método de homeschooling têm sido o único possível neste momento da pandemia. Mas é preciso ter atenção aos fatores de saúde para que funcione com uma ferramenta eficiente.

O que observa-se é que as casas se transformaram em estações não só de ensino (homeschool) como também estações de trabalho (home office), de alimentação (home food), de malhação (home fit), de recreação (home play), de lazer (home show), de capacitação, de tratamento de saúde (home care), enfim um ambiente sobrecarregado de funções. Sendo que as estações de repouso e relaxamento (home relax), que funcionavam antes da pandemia, em muitas das casas, não existem mais, pois os quartos deram espaço às demais estações.

E como manter um ambiente saudável em domicílio para os estudos? Em que medida os pais devem cobram dos filhos? E, em que medida a escola deve exigir dos alunos?

Na maioria dos casos percebe-se um estresse daquele que acompanha a criança no ensino domiciliar e, uma demanda excessiva da escola para com os alunos gerando desconfortos que podem causar o estresse infantil.

A ausência de DIÁLOGO e FLEXIBILIDADE (entre pais, alunos, escolas e professores) pode contribuir e muito para a ausência de bem-estar das crianças e adolescentes no homeschool.

Temos que manter atenção à rotina atribulada, aos esforços físicos e emocionais, e, principalmente aos indícios expressados pela própria criança/ adolescente.

O estresse infantil pode se manifestar por meio de sintomas físicos e/ou psicológicos. Os mais comuns são: Dor de barriga e diarreia crônica; Dor de cabeça; Náuseas; Mãos frias e suadas; Falta ou excesso de apetite; Enureses noturnas (fazer xixi na cama); Gagueira; Ranger de dentes; Tique nervoso; Falta de apetite recorrente, Náuseas; Tensão muscular; Hiperatividade; Insônia; Agressividade; Impaciência; Tensão muscular; Desobediência; Insegurança; Preocupação; Ansiedade; Dificuldade de socializar; Hipersensibilidade; Pesadelos; Medo excessivo; Choro excessivo.

Considere a idade da criança (maturidade emocional) e a organização familiar (rearranjos) diante das adaptações na quarentena.

Canal CircuitoPSI:

https://www.youtube.com/channel/UCwEZ9yQpsmOTMjc0lb1K4Iw/www.circuitopsi.com.br

Compartilhe:

Filial 1 :Rua Juruá, 50 ou 46 - Sala 305. Cidade Nova
Filial 2 :Rua Bernardo Guimarães, 1033/ Sala 504 - Funcionários.

(31) 99903-3762

contato@circuitopsi.com.br